Cases

Prefeitura de Salvador | Campanha: Prefeitura-Bairro.

5b882aab6b64d537bed9cae38bc72c38_ed32a0222b5830441b83658d825614f0

SITUAÇÃO PROBLEMA

A maior preocupação da Prefeitura, sendo uma instituição de referência na cidade, que presta serviço aos soteropolitanos, diz respeito à sua estratégia de comunicação. De forma que o conteúdo da mensagem fosse claro, objetivo, sem margens para dúvidas, de fácil assimilação, a Bahia Comunicação precisava criar uma campanha para informar o lançamento de um serviço municipal totalmente novo, explicando seus principais atributos e benefícios, para todas as camadas da população. Além disso, a campanha deveria cumprir outro objetivo, o de destacar a continuidade, ou melhor, a expansão da implantação de mais unidades até completar as dez, total prometido até o fim do ano de 2014.

.

ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO

Com o objetivo de dialogar com esse vasto público-alvo, foram adotados os seguintes recursos criativos e técnicos.

A linguagem popular e coloquial para chegar a um conceito, ressaltando um dos principais pontos positivos da instalação de unidades de prefeitura em bairros, com abrangência para regiões próximas: o fato de oferecer uma gama de serviços que antes só era possível na sede municipal, localizada no centro da cidade. Com uma equipe e um espaço físico aptos a realizar atendimentos referentes à documentação, obras, manutenções, dentre outros, em cada bairro, estes serviços se tornaram muito mais próximos das comunidades, acessíveis e mais rápidos de serem efetivados.

Atrelado ao ponto principal, que é o da redução da distância, e, consequentemente a aproximação às comunidades, foi utilizada a ideia de Prefeitura já presente no consciente coletivo, de uma entidade com poderes para atender a sociedade, solucionar problemas e prestar serviços, para compor o seguinte conceito: “A Prefeitura ficou mais perto da sua casa”. A partir desta linha textual, foram apresentados comandos com termos coloquiais e até referências a ditados populares como: “Se Seu Everaldo não vai à Prefeitura, a Prefeitura vai até Seu Everaldo”.

Para conferir ainda mais credibilidade à mensagem, a campanha foi ilustrada com imagens de moradores dos bairros com unidades em funcionamento, atestando com seus depoimentos os benefícios do fato anunciado.

Em cada peça gráfica, seja impresso (anúncios de jornal), mídia exterior (outdoor e mobiliário urbano) ou digital (banners de Internet), um morador aparece em destaque à frente da fachada de uma das unidades, acompanhado das principais informações da campanha.

Na parte audiovisual, o VT reuniu toda a parte conceitual desenvolvida, com recursos de edição de vídeo dinâmicos, permitindo a demonstração das unidades de Prefeitura-Bairro por dentro e por fora, somando trechos de depoimentos dos respectivos moradores de cada local, e letterings curtos, acompanhados de ícones que representam os serviços. Além disso, o vídeo possui uma trilha composta exclusivamente para a campanha, que deu origem ao instrumental e jingle para os spots de  rádio.

Toda a identidade da campanha manteve a unidade em paleta de cores formada pelo azul da Prefeitura e o amarelo, para garantir o destaque nos comandos e grande impacto visual.

.

RESULTADOS

A campanha cumpriu seus objetivos gerando alto recall, principalmente nas comunidades onde possuem sedes de Prefeitura-Bairro. A demanda aumentou consideravelmente nas unidades e o público alegou saber da implantação das Prefeituras e dos serviços oferecidos nos locais após o impacto da publicidade. Dentre as peças mais citadas estão o comercial de televisão, de rádio e os outdoors espalhados nas principais vias da cidade.

.

FICHA TÉCNICA

Título: Prefeitura-Bairro

Atendimento: Ellen Garabini

Diretor de Criação: Wanderley Gomes

Direção de Arte: Humberto Jonas e Vinícius Xavier

Redação: Antônio Luiz Nilo, Larissa Reis e Danilo Carvalho

Revisão: Isis Dias

Produção: Fabiano Lacerda

Jingle: Danilo Carvalho e Alexandre Leão

Arte-Final: Murilo Leite